Mar do Furadouro e do Mundo

Mar do Furadouro e do Mundo

 

Olho-te, desse modo, com as pálpebras pousadas no extenso areal que te compõe o rosto e apenas te imagino assim: terno, sossegado e abençoado. Penso em ti e em nós, eu menino a jogar-me nos teus braços, a espernear nas poças que criavas antes da tua imensidão. A minha mãe a olhar, sempre desconfiada, sempre galinha. O meu pai a pedir-me cautela, mas a aventurar-me. Meio certo, meio não. Confiavam em mim, nenhum confiava era em ti. Mas eu confiava. Se me puxasses, nesses teus braços do tamanho do mundo, seria para de seguida me trazer de volta. Só quererias abraçar-me.

Olhava-te, com calma e receio, a ‘pontapear’ os surfistas. Não a tratá-los mal, apenas a empurrá-los nas tuas ondas, como fios de cabelos, onde eles tanto desejavam deslizar. E ainda desejam, eles gostam de ti como poucos. Como os que se alimentam de ti, põem o pão na mesa com a tua diversidade. Trabalhei numa marisqueira, e lá estavas tu. A alimentar a marisqueira que me dava alimento, as primeiras ganas de ser algo mais na vida. Já fumava, feito estúpido. Mas parava para fumar a olhar-te. Sentia a tua areia a tocar-me os pés e a vontade de mergulhar na tua imensidão a dominar-me, a tomar conta de mim. Chegava o final da tarde e lá ia eu. Já não estavas com tantos admiradores, mas com o sol escuro de fim de tarde a bronzear-me o olhar, atirava-me a ti. Furava as tuas paredes de água e com as costas para o areal e o olhar para o infinito admirava-te. Sentia-te como uma parte de mim. Minto, sentia-me uma parte de ti.

Esta sempre foi a minha relação contigo, mar. Aqui, no nosso Furadouro, mas também em todos os outros lugares onde pacificas a vida das pessoas. Confia, és mais belo assim. Roubas-me sorrisos que só se explicam pela vontade de te escrever um texto às nove da manhã, antes do café e muito antes de começar a trabalhar. O tempo é de carnaval, mas o dia é teu. O texto é para ti, mar do Furadouro e do mundo. Não te voltes a portar mal.

(foto Salvador Malheiro​)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s