Objectivos

O mundo não navega nas brumas da certeza. Agita-se, embala-se, adormece e acorda, faz vida. O mundo move-se. Não num sentido literário, num lato, cientifico. Gira, devagarinho mas gira. À velocidade de um ano.

O meu começou em Janeiro e por agora vai andando. Tenho um objectivo para este ano, entre tantos outros. Tenho girado também, devagar mas girado. Ainda não fiquei zonzo, contudo hei-de ficar se não alcançar esse objectivo. Não o quero apressar para me provar que o consigo, quero só fazê-lo, realizá-lo. Realizar é, afinal, a parte boa de objectivar. Deixem o mundo girar, mas girem mais do que ele. Sem ouras, se possível, mas também com ouras se só assim valer a pena. O mundo gira e eu também.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s