Rebanho

Olho para o caso Sócrates e para o post do Nuno Melo e fico tão feliz como uma criança quando deixa cair o algodão doce.
Se o Sócrates é um mentiroso, a mesquinhez do post do Nuno Melo não é mais digna de elogio.
E é por isso, pela certeza que de um lado e outro nada aprendo, que me deixo andar ao rumo do meu trabalho, à crença, por vezes triste, dos meus sonhos. Que política é coisa de jogos públicos de ódio, sanados em jantares do Ipanema Palace e passeios na margem do Sena.
Com a máxima educação, que se danem os que são corrompidos pelo sistema imposto. De ovelhas está o rebanho cheio.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s