Dilúvios de ideias

Por vezes, em determinados dias, existe uma enxurrada dentro de nós. Somos assarapantados por um acervo de ideias, que deviam ter desflorado repartidas no tempo. Mas não. Elas é que mandam, vêem quando lhes apetece.

Não avassalamos em absoluto a nossa existência, tendemos a ser surpreendidos quando não cremos. Em poucas horas fazemos valer uma semana de trabalho, quando tudo designava que ela havia sido um marasmo inoperante. São cliques.

Hoje tive um desses cliques, um fogacho de luminosidade que encandeou uns dias escuros. Felizmente. Senti-me mesmo bem com isso, claro. Por isso, hoje, sem grande conteúdo, quis apenas partilhar com vocês a alegria (em forma de ideias) que tomou conta de mim. Estou agasalhado nessa destreza dos pensamentos, não sinto o frio que vem a soprar-se lá de fora.

Tenho o inverno a bater nas vidraças e o verão dentro de mim.

ADQUIRA AQUI O MEU LIVRO: REALIDADES

Ou contacte-me pelo ricardoalopes.lopes@gmail.com, para mais informações de compra.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s