Me encanta

São dias banais, sem nada mais que simples cafés ou passeios de mão dada, contudo isso faz deles belos.

Há algo no amor que me fascina, que me prende à vida.

Amar também é viver, ou aliás, viver também é amar. A forma como o simples se complica e o complicado se descomplica, é uma espécie de magnetismo que nos prende os pés no ar e faz o céu ser mais belo, o mar mais azul. Tudo valer mais a pena.

Amar é ter momentos difíceis, para nos fáceis eles nos parecerem ridículos. Completamente desprovidos de sentido. Amar é isso. É belo.

Não me falem de contos de fadas, eles não seriam sucessos cinematográficos se fossem realidade. Paraísos de amor, não existem em harmonia perpétua, existem em ápices de entrega absoluta que desmascaram as arreliações, que nos fazem acreditar que vale a pena suportá-las pelos verdes campos que a seguir virão.

Há algo no amor que me encanta.

 

 PS – Já sabem que para saber mais sobre o livro que, em princípio, irei lançar, é só passarem aqui: https://www.facebook.com/groups/118634761614210/

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s