É javardo!

Hoje, num dia de possível glória para o desporto português, não há muito que eu possa dizer. Há sempre muito em que penso, confesso é que nem sempre é exequível transformá-lo em palavras escritas. Seria maçador, garanto-vos.

Estou a imaginar-me a ficar meio rouco, a gritar e saltar feito tolo. Eu sei que é respeitável desvalorizar o futebol, o ópio do povo, mas eu nunca me guiei por ser de bom-timbre. Nunca fui um intelectual, de um extracto liquefeito, entre o pseudo e o teso. Sou um parolo, digamos. Bebo minis, como com a mão, quando assim tem que ser, e vibro com o futebol, como uma criança vibra com um chupa-chupa.

Logo tenho uma reunião, algum tempo antes do jogo, assim, já me imagino a vir pela auto-estrada (bem rapidinho), com mais um botão da camisa aberto, a música alta, a fumar um cigarro e já concentrado no duelo. Portanto, quando chegar, com os óculos na cabeça, vai sair uma mini, porventura até como uma sande, e estarei pronto para ser mais um labroste. Camisa aberta, mini na mesa, cigarro aceso e a gritar como um tosco. Ah carago, isto é ver futebol!

Quero lá saber do politicamente correcto, educação é outra coisa. Quero é ter noventa minutos de adrenalina, acabá-los com um sorriso e ir para casa com mais um bom-bocado com os amigos, na algibeira.

Vamos, PORTUGAL!!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s