Rescaldo ou resquícios de um clássico!

Antes de mais elogiar o espectáculo que ontem o, magnificente, estádio da Luz acolheu. Sem dúvida, as duas melhoras equipas do futebol nacional, deixando apenas uma palavra de apreço pelo crescendo do Braga nos últimos anos. Quanto à justiça do resultado não me pronuncio. Não me pronuncio porque padeço de uma doença, penso que crónica, que é o ‘benfiquismo’.

Nunca tinha escrito sobre futebol neste blogue, hoje para além de o fazer admito o meu clubismo e ainda o apelido de doença. Apelido porque realmente o é. Ontem, as invenções de Vítor Pereira, alguém que não considero que a tenha dimensão, quer táctica quer pessoal, do clube que defende – A minha doença ainda permite ver que o Porto é um clube grande – resultaram. Resultaram porque o Jesus não se demonstrou preparado para os imprevistos do jogo. Com 3 laterais esquerdos no plantel, sendo que o titular não inclui qualidades suficientes para segurar ora um Hulk (que pode ou não estar inspirado), ora um James que era previsível que entrasse, não existia alternativa. Remendou-se um, apagado, Gaitan. Ainda assim, não foi capaz de mexer na equipa. Manteve um Cardozo, com 2 golos na conta pessoal, mas que estando o Benfica com menos um não receberia jogo. Bolas bombeadas? Apostava num Nélson Oliveira, de estrutura física relevante com acréscimo de velocidade e qualidade técnica. Rasgos individuais fantásticos. Mas não, o ouro foi entregue ao bandido.

Gostava apenas de realçar o meu apreço pelo Jesus. Desde que ao Benfica chegou, com mais ou menos títulos, salvou o meu clube de uma pasmaceira de garra e entrega. Com ele voltou à tona, à luta. Independentemente do que o futuro nos reserve penso que ele ganhou o direito de estar na história, na relevante, do Benfica.

Quanto ao final do jogo, quando existe um erro médico que provoca a morte de uma pessoa, alguém tem a coragem de dizer: Apesar disso ele fez um excelente trabalho!

Então como ousam dizer que o Pedro Proença e os seus auxiliares estiveram bem?

Advertisements

6 thoughts on “Rescaldo ou resquícios de um clássico!

  1. Não me vou alongar muito no comentário, pois padeço da mesma doença que tu, curiosamente.
    No entanto acho que posso resumir o resultado final em 2 aspectos.
    1º – Emerson, para mim o principal culpado da nossa derrota. É um jogador fraco, muito fraco, sem garra, que não mete o pé à bola para evitar remates. Destoa do resto da equipa. Eu já tinha dito isto e volto a dizer, o Benfica vai perder muita coisa se os adversários souberem aproveitar este ponto fraco. Mais teimoso é quem o mete a jogar. Embora considere que JJ é o treinador ideal para o Benfica, tenho que dizer que o seu maior ponto fraco é apostar constantemente num jogador que erra. Abriu o mercado em Janeiro e a lateral esquerda ficou na mesma.
    2º – Obviamente o fora-de-jogo que dá a vitória aos visitantes. Aliás, devo dizer os foras-de-jogo, isto porque estão lá dois jogadores literalmente acampados e que o sr. fiscal “não viu”.

    Em suma, o titulo está entregue, não só por causa do jogo de ontem, mas pelo acumular de 3 jogos “perdidos” (guimarães, académica, porto). E por isso mesmo digo, que não estivemos à altura para sermos campeões. Até ao jogo com o GMR o Benfica fez de facto um campeonato fora de série, no entanto um campeão faz-se com consistência… regularidade.
    Resta-nos agora a liga dos campeões. Somos claramente superiores, mas estamos em desvantagem e os nossos jogadores estão animicamente desfeitos.

    Estarei eu farto de futebol ou farto de perder? Coloco-te eu a questão pois saberás responder, Benfiquista.

    • João, não me vou alongar no comentário ao teu comentário, porque o subscrevo completamente.

      Respondendo à tua pergunta: um amor não se vive com a cabeça, vive-se com o coração. Se ganhamos o êxtase é mil vezes maior, se perdemos gritamos, esperneamos, insultamos, acusamos e no fim perdoamos para dois depois estarmos apoiados a esse amor como se nada de mau tivesse acontecido.

      Espero e desejo que terça-feira eles se unam para mais uma jornada que nos manterá na liga milionária e ainda nos faça voltar a ter esperança nessa história que se escreve até maio. Tudo isto como em qualquer história de amor… espera-se sempre o final feliz!

      • Finais felizes é com massagistas tailandesas.
        A ver vamos… o que é certo é que farto ou não de futebol, farto ou não de perder, sei que estarei a ver o jogo e a torcer. abraaaaaço 🙂

  2. Vá, tb vou opinar..pq em frança também se vive o futebol..

    Antes de mais, até à expulsão, dizer q foi o derby que mais prazer me deu ver desde q me conheço..até então, 50% de posse de bola para cada lado, 7 ou 8 oportunidades de golo para cada uma das equipas, enfim, um jogo como já se disse, entre as duas melhores equipas de portugal e nada muito monótono como habitualmente costuma ser..

    Quanto à doença, eu sofro da mesma, o síndrome é que é diferente..mas não deixo de dizer que “vocês”, ao serem tantos, faz de vós o maior clube de portugal e por isso, tanto se fale, no bom e no mau momento..qualquer uma das duas ainda pode ser campeã mas como o joão disse, o campeão faz-se pela regularidade e não por uma série de bons jogos quando nos 4 seguintes não consegue vencer..este filme já foi visto várias vezes..

    Quanto aos erros de arbitragem, que para mim não foram assim tantos, mas que o último ditou o resultado, eu era a favor de no fim do jogo ou até no dia seguinte, haver um “flash interview” a eles mesmo, como aliás já foi tentado mas apenas durou um mês. Se um professor ou até mesmo um enfermeiro tem que fazer a sua auto-avaliação e defende-la perante aquilo que fez, porque não um árbitro? sempre foi a melhor decisão de alguém que erra assumir isso mesmo e prometer “trabalhar” para ultrapassar um qualquer equívoco. MAS, com isto, nenhum resultado irá mudar, isso é certo, tanto que iria retirar ao futebol a sua histórica tradição de ser um desporto dinamico e de rápido arbítrio como há tantos cem anos o é..Por foras de jogos que tenha havido, por bolas na mão (ou no caso do javi, até nas duas) ou até por cartões por mostrar, juro que me custa perceber como alguém que tem 2 segundos para julgar e 60mil adeptos já assobiar, pode ditar o que quer quer seja por maldade ou de acordo com segundas intenções..

    Para finalizar, mesmo sendo portista e estando sempre à espera que o benfica perca, não deixo de dizer que de há 3 anos para cá, gosto de ver essa equipa a jogar, que me dá prazer ver o futebol que jogam e daí também poder dizer que o Sr Jesus (à excepção de quando abre a boca) é sim um grande treinador de futebol..

    • João, estou de acordo que o campeonato se vence com regularidade. Mas o certo é que até estas 3 jornadas o Benfica foi a equipa mais regular, quer ao nível de resultados, quer ao nível exibicional. Não me parece que o teu Porto, com o Vítor Pereira ao leme, seja muito regular. Regulares foram o ano passado, sem dúvida, com o ex-treinador do Chelsea no comando. Mas o facto de ser ex-treinador do Chelsea, depois de uma época brilhante no Porto, também demonstra que o futebol é feito de tudo menos de verdades absolutas.

      Sem grande surpresa quero o meu Benfica campeão, mas para o bem do futebol português, para comprovação do seu crescendo, penso que também seria interessante um Braga campeão e é possível. Eles dependem deles, ainda vão defrontar os grandes. E em França, vai para o Montpelier ou para o PSG? 😀

  3. Sim sim, não estou a dizer que o meu porto foi regular, tolo aquele que assim pensar..mas deixa lá o braga ficar em 2º pq voces apuram-se sem problemas para a champions..já eles, são um pouco imaturos nestas andanças..depois ficas para o ano em 2º ou 3º e queres ir à champions e nada..temos que ir pontuando..ahah

    Opá, aqui o montpelier está fortíssimo, já anda tudo a ver se caça o ponta-de-lança deles que é o melhor marcador, mas não sei, a ver vamos..

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s