Já não me lembro da última vez que comprei uma coisa!

Vivemos movidos por uma sensação de sentir, sentida. Pagamos pelos nossos sonhos.

Quando alegamos que necessitamos de mais dinheiro para viver, estamos a referir-nos a sentimentos, a uma insaciável necessidade de sensações.

Comida não é um sentimento, comodidade e conforto não é um sentimento, mas todas as variações de escolha dessas necessidades derivam do que sentimos em cada sonho nosso. Em cada idealização do perfeito.

Podemos não ter dinheiro para luxos, mas se é de comida italiana que mais gostamos é nas massas que vamos gastar o pouco que temos. Podemos não ter a casa dos nossos sonhos, mas deixaremos sempre uma marca desse desejo nela. Se a minha casa de sonho tivesse um jardim enorme, eu iria por vasos. Baseamos o pouco ou muito que gastamos, na sensação de realização de um sonho, de felicidade.

Hoje comprei um croissant e paguei a sensação de doçura, comprei um maço de cigarros e paguei a sensação de relaxamento, no outro dia comprei uma camisa e paguei a sensação de mandar cenário, ontem estive numa esplanada e paguei 1,10€ pela sensação de serenidade…ah e também bebi uma água!

Desculpem, foi um esvaziamento de emoções! Aqui fica o sítio onde relaxei à hora de almoço.

Anúncios

4 thoughts on “Já não me lembro da última vez que comprei uma coisa!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s