Proposta de Valor

O que é uma proposta de valor? É tão-somente criar uma relação custo/qualidade proveitosa para o comprador. Esta mais-valia ganha-se com a inovação do mercado, com a criação da diferenciação, com as parcerias estratégicas. Como se faz isto no âmbito pessoal? Recordam-se no meu post de Marketing Pessoal? É isso mesmo, porém esse texto saltou uma etapa, a de definição da nossa mais-valia. A nossa avaliação interna, que deverá ser a primordial, para de seguida avançar para a externa.

– Qual é a minha marca? Ricardo Alves Lopes.

– Qual é o meu produto/serviço? Sou eu mesmo, um rapaz de 24 anos, com formação na área de Turismo e Licenciatura em Gestão de Marketing, com quase 2 anos de trabalho como Gestor de Comunicação.

– Qual é o meu público-alvo? São empresas, desde PME´s a Multinacionais, com Dpto de Marketing, ou simplesmente com a necessidade de criação de valor para os seus produtos/serviços, bem como a gestão da sua comunicação em função dessa criação de valor.

– Quais são os meus concorrentes? Todos os licenciados na minha área, todos os licenciados em gestão, todos os licenciados em Publicidade e Relações Públicas .. e essencialmente todos os que têm vontade de trabalhar!

– Quais as minhas vantagens competitivas? Uma formação mais abrangente, inclui Turismo, uma licenciatura na melhor escola de marketing do país (IPAM) e experiência de quase 2 anos na realidade empresarial e de trabalho.

– O que me diferencia? 10 anos de basquetebol federado, o que garante espirito de equipa, definição de objectivos, respeito pela liderança e procura de títulos (conquista). 7 anos a servir em bares, propensão para o trabalho, respeito de hierarquias, desinibição comunicacional e forte criação do relacionamento pessoal. Por fim, gosto pela escrita e necessidade de partilha de opiniões/ideias/visões/objectivos, como comprova o “tempestadideias.wordpress.com”.

– Qual a minha proposta de valor? Conhecimento teórico, ajustado a 2 anos de experiência numa realidade empresarial, irreverência da idade em conjunto com a “sede” de quem define um único objectivo: MAIS.

Experimentem fazer estas perguntas a vocês mesmos e conseguirão definir muito melhor quem são e o que podem oferecer numa realidade de trabalho. Aconselho que o façam em papel, estupidamente, tornar-se-à mais real e palpável.

PS – Diria que também o poderiam fazer nas relações pessoais, de amor ou amizade, mas isso tiraria o prazer de viver. A adrenalina de o coração guiar a cabeça, de o certo se tornar errado porque o coração palpita, de o errado se tornar certo porque o corpo treme.

Sorriam e chorem, gritem e sussurrem, acertem e errem, sejam felizes e sofram… mas VIVAM!

Anúncios

9 thoughts on “Proposta de Valor

  1. Finalmente tive oportunidade de visitar o teu blog e só me ocorre dizer…”Estou maravilhado!!!” Não é que tudo seja grande novidade para mim, porque sempre achei que tinhas o dom da palavra e da escrita, mas passares à acção com a criação do blog e os assuntos que abordas, é de facto interessante!!! Gostei particularmente deste artigo e faço intenções de passar cá mais vezes, por isso continua puto!!! Grande Abraço!

    • Obrigadão puto! Não sei se por dizeres que não é novidade, se por teres gostado ou se por tudo isso junto, mas obrigadão mesmo! Espero que comentes quando gostas, quando não gostas e principalmente quando tens sugestões!

      Grande abraço

  2. Gosto! já falamos disto no outro dia, mas de facto isto é algo mais palpavel e mais concrecto!nao sei se conseguiria era fazer esta auto.avaliação de forma concrecta…portanto os meus parabens por o teres conseguido e de forma bem real!

    eu sei que nao é o objectivo falar-se mais do PS que do resto, mas de facto foi o bolo debaixo da cereja! pois gostei mais que o post em si…é algo muito teu, em que consigo imaginar-te perfeitamente a dizer isto numa das muitas conversas!e acho que é um optimo lema! viver!!!ha muita gente (ha dias em que me incluo) que passa demasiado tempo a pensar em vez de simplesmente vivier…!

  3. Parabéns pelo post… Simplesmente foste tu. Esta tua auto-avaliação está real, como já referiu o Rui.

    Viver!! Viver é o que realmente precisamos de fazer… atingir os nossos objetivos e a ambição (moderada) devem ser o nosso lema.

    Um bom profissional, não tenho dúvidas.

    Aprende…Vive…e…Luta!

    O futuro te espera.

  4. Espectacular!

    Parabéns pela pessoa que és, por transmitires uma energia positiva e contagiante, sim, porque não só de teorias que vive o ser humano, se assim fosse para fazer a diferença em cada um dos nossos mundos bastava estudar e ser culto. A nossa energia, ou “aura” como muitos lhe chamam, move-nos e é parte fundamental daquilo que nos define, e a tua é imponente. Consegues ter a capacidade de fazer as pesssoas que te rodeiam terem vontade de estar contigo, de te verem e de te quererem bem, e essa sim é a maior venda que algum dia irás realizar!

    Grande abraço.

    • Todos os comentários são importantes para mim, mas sem menosprezar o de ninguém, pelo contrário, admito que o teu meu arrepiou. Tu sabes como todos falam com o tom das aventuras e desventuras do Gasparzinho.. mas há algo que tu tens e eu te invejo muito, a capacidade de acreditares no que te metes, seja porque tempo for, a tua irresponsabilidade que serve apenas de motor de mudança. Com os devidos limites isso é uma virtude como poucas.

      Grande abraço

  5. Agradeço a todos o facto de lerem e partilharem a vossa opinião. Eu não sou mais, nem menos que ninguém.. eu sou eu, quando aceitamos e usufruímos de quem somos é que tudo se torna mais simples. Eu sofro, eu desanimo, eu choro, mas também sou feliz, acredito e sorrio.. não renego é nenhuma das faces!

    Bom ano para todos!

  6. Após uns dias a acompanhar este teu espaço sem me juntar aos debates, sem ser interventivo, hoje tenho que o ser!

    Fantástico artigo que tu escreveste! Sem dúvida que este ‘curriculum’ informal é 100x mais valioso do que qualquer europass! Este é o verdadeiro valor das pessoas: o que são, o que fizeram, o que sabem fazer e a vontade que têm para oferecer no seu próximo trabalho! Como referiram anteriormente, não é fácil fazer esta auto-avaliação, mas tu conseguiste-a fazer duma forma muito real e justa!

    Como sabes, recebo semanalmente vários CV’s, e acredita que, este tipo de apresentações pode realmente fazer a diferença! É preciso ser irreverente, criativo e acreditar nas nossas capacidades e no nosso valor. Se o demonstrarmos de uma forma segura, temos uma probabilidade muito maior de sermos contratados do que se não o demonstrarmos.

    Tenho gostado bastante do que tenho lido neste blog, mas, na minha opinião, este artigo é o mais importante e mais bem conseguido até hoje! Parabéns!

    • Muito obrigado primaço! É uma sensação incrível para mim sentir que as pessoas vão acompanhando este espaço. Fico contente de saber que também o fazes e mais ainda de me teres dito claramente qual o post que mais te agradou. É importante deixarmos as formalidades de lado, percebermos que podemos fugir a estereótipos e sermos excelentes profissionais na mesma. Vivemos num Mundo de saturação, tudo parece mais do mesmo e como se costuma dizer.. em terra de cegos quem tem olho é rei! 😉

      Grande abraço

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s